15 de jul de 2016

Sobre o mimimi "CREF x Educação Física x Projeto Aurora" - apenas minha opinião:

Muitos devem ter visto na TV o sr. João e seu bonito projeto com crianças carentes na rua da Aurora (Centro do Recife) com a prática do basquete. O fato: o mesmo não é profissional de educação física. Mas faz um serviço voluntário louvável.
O Cref tem a função de fiscalizar o exercício ilegal da profissão, como tantos outros conselhos profissionais. O fato: detectou a irregularidade e interviu no projeto aurora.
Motivo do Mimimi:
- há tanto local pro cref intervir, e foi bater logo num projeto social? Se o projeto acaba para onde vão as crianças?
Quem se revoltou?
- quem olhou para o efeito social do projeto, se comoveu as postagens do João chorando e se preocupou com as crianças. Nesse grupo se incluíram amigos meus e colegas de profissão.
Ouviram o outro lado?
- talvez muitos ainda não. Mas recebi audio da profissional do cref que atuou nessa ação, alegando inclusive desacato e desabono à atividade da ed. Física. E que isso foi o motivo do auxílio da polícia no local (e até entendo, que pode ter sido apenas efeito da cabeça quente).
O que é importante ressaltar?
- sim, ele (João) exercia a atividade de forma irregular. E se ele oferecesse serviços médicos, jurídicos, fisioterápicos ou qualquer outro? A OAB, CRM etc também interviriam. Existe uma responsabilidade ao lidar com as crianças e a saúde das mesmas, por mais irrelevantes que possam parecer para quem opina de fora... O serviço é gratuito mas não significa que possa ser oferecido de forma irresponsável.
- sim, a fiscal apenas cumpre a sua função e de acordo com a lei. Pode-se ter vários motivos para criticar o conselho (e eu os tenho), mas criticar quando atuam de forma correta me soa esquisito. Tem outros locais que carecem de intervenção? Claro, aos montes. E nossa função como profissional pagante de suas caríssimas anuidades é cobrar suas ações de forma efetiva, contribuindo com nossa área.
- sim, o projeto é louvável e não deve morrer... Mas é necessário o acompanhamento profissional adequado e o João já percebeu isso e fez o pedido em sua rede social. Quem sabe aparece um profissional por perto com o mesmo espírito voluntarioso...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá... Obrigado por comentar em meu blog... se desejar, deixe seu e-mail para contato! Continue acompanhando o trabalho!