27 de mai de 2012

Para não cair...

Uma causa frequente de quedas, muitas vezes com consequências graves especialmente para os idosos são as disfunções no sistema muscular que acarretam a perda de equilíbrio.
A cadeia de músculos estabilizadores, especialmente os da coluna, juntamente com um complexo sistema de receptores nervosos são responsáveis por nossa postura e equilíbrio.
Nossas atividades diárias cada vez mais cômodas e facilitadas pelas novas tecnologias, causam um acomodamento dessa cadeia gerando perda da tonicidade, má postura, e dores. Esses males já passam inclusive a ser notados desde a infância, que já não conta mais com a diversidade de movimentos que as
gerações anteriores experimentaram. As nossas crianças não brincam mais na rua ou sobem em árvores.
Observando tais necessidades, é cada vez mais comum observar nos planos de treinamento dos jovens as atividades funcionais envolvendo "exercícios proprioceptivos", e outros adaptados, com ou sem aparelhos, os quais trabalham toda a musculatura envolvida com o equilíbrio.
Uma dessas formas de trabalho consiste em crias situações de instabilidade para o corpo, fazendo com que a musculatura trabalhe no sentido de "evitar a queda".
Alguns exercícios simples podem ser feitos mesmo em casa, veja:
ABDUÇÃO EM PÉ: arbir a perna na lateral e voltar a posição inicial
FLEXÃO PLANTAR NUMA PERNA- subir na ponta do pé e descer devagar
FLEXÃO DE JOELHO: Levantar o calcanhar atrás e descer vagarosamente
EXTENSÃO DE JOELHO EM PÉ: Esticar a perna e dobrar o joelho voltando a posição inicial
EXTENSÃO DE QUADRIL EM PÉ:


Estes exercícios trabalhas primeiramente as coxas pernas e panturrilhas.
Para gerar a instabilidade, aos poucos é possível retirar o apoio na cadeira, ou usar um cabo de vassoura apenas, ou ainda num estágio mais avançado, sem apoio numa perna só.
Outras atividades como andar de bicicleta ou patins são importantes nesse sentido.
É muito importante estar acompanhado para evitar acidentes.
E um profissional de educação física saberá adequar a intensidade do treino à sua evolução, realizando as adaptações necessárias e incluindo muitos outros exercícios à rotina de treinos.

IMAGENS: SITES DIVERSOS, clique nas fotos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá... Obrigado por comentar em meu blog... se desejar, deixe seu e-mail para contato! Continue acompanhando o trabalho!